Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Geral Alagoas Obras de esgotamento sanitário dobrarão rede coletora existente em Alagoas

Obras de esgotamento sanitário dobrarão rede coletora existente em Alagoas

0
0
Diversas obras de esgotamento sanitário estão sendo tocadas na capital e no interior, fazendo parte do Programa Estadual de Esgotamento Sanitário, lançado em 2015

Os próximos anos serão de melhoria na qualidade de vida da população que precisa de saneamento básico em todo Estado. Diversas obras de esgotamento sanitário estão sendo tocadas na capital e no interior, fazendo parte do Programa Estadual de Esgotamento Sanitário, lançado em 2015, com o objetivo de dobrar a rede coletora existente hoje.

 

Em Maceió, duas Parceiras Público Privadas (PPPs) estão sendo executadas simultaneamente: na região do Farol (Sanema) e Tabuleiro (Sanama). A parte baixa da capital também está sendo contemplada com obras da Bacia da Pajuçara e Linha Expressa.

 

 

PPP do Tabuleiro (Sanama)

Com investimento de R$ 200 milhões, a obra irá beneficiar 160 mil pessoas quando estiver concluída. Serão contemplados os bairros do Clima Bom, Santa Lúcia, Tabuleiro do Martins, Benedito Bentes, Santos Dumont, Antares e Cidade Universitária.

 

 

A obra vai contar com duas estações de tratamento: uma ampliada e reformada, que irá coletar o esgoto de Antares e Benedito Bentes I e II, e uma nova, que atenderá o esgoto de Santos Dumont, Cidade Universitária, Clima Bom, Tabuleiro do Martins e Santa Lúcia. No total, o sistema de esgotamento sanitário atenderá, em curto prazo, mais de 40 mil ligações domiciliares e 220 km de rede coletora.

 

“A parte alta da cidade é a área que mais cresce em Maceió. Somente durante a execução do programa Minha Casa, Minha Vida, foram construídas mais de 20 mil unidades habitacionais na região. O déficit de esgotamento sanitário, que sempre foi um problema na área, começou a ser resolvido”, explanou a secretária de Infraestrutura, Aparecida Machado.

 

No momento, a obra encontra-se nas imediações do Jardim Saúde, próximo ao Eustáquio Gomes. Sua conclusão está prevista para outubro de 2019.

 

 

PPP do Farol (Sanema)

O bairro do Farol e região também será contemplado com esgotamento sanitário. Pinheiros, Pitanguinha, Gruta de Lourdes, Jardim Petrópolis, Canaã, e Santo Amaro passarão a ter rede coletora em outubro de 2018, beneficiando 130 mil moradores. Ao todo, serão 185 km de ramais domiciliares e 112 km de redes coletoras, 20 unidades elevatórias de esgoto e uma estação de tratamento com capacidade para 150 litros por segundo, orçado em R$ 187 milhões.

 

De acordo com o secretário Executivo de Infraestrutura da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra), Humberto Carvalho, trabalhar com PPP acaba sendo o modo mais viável dentro da atual crise econômica que afeta todo País. “Vamos conseguir, por meio das PPPs, financiar o investimento em saneamento básico, dando uma melhor e mais digna qualidade de vida para a população que necessita”, colocou.

 

 

Bacia da Pajuçara e Linha Expressa

A parte baixa da cidade também está sendo contemplada com as obras da Bacia da Pajuçara. O novo sistema irá reforçar a coleta de esgoto em Maceió, comprometida pela saturação da atual rede coletora. Dessa forma, a Seinfra está implantando uma rede paralela para a captação de dejetos, a Linha Expressa.

 

Primeira obra de esgotamento sanitário com recursos exclusivos do Governo de Alagoas, a Linha Expressa será um complemento à Bacia da Pajuçara. Orçada em R$ 8,2 milhões, será um reforço de 2.500 metros de tubulação para a antiga rede coletora da Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal).

 

A Linha Expressa irá conduzir o esgoto da estação elevatória da Praça Lions (Pajuçara) até a Treze de Maio (Poço), de onde seguirá para o emissário submarino.

 

 

Interior

 

O Governo do Estado também está trabalhando para a implantação de rede coletora de esgoto no interior do Estado. Marechal Deodoro, Piaçabuçu, São Braz, Belo Monte, Delmiro Gouveia e Coqueiro Seco são os municípios com obras sendo tocadas.

 

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *