Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Geral Saúde PRIORIDADE Governador assina ordem de serviço do Hospital Metropolitano na segunda (27)

PRIORIDADE Governador assina ordem de serviço do Hospital Metropolitano na segunda (27)

0
0

Solenidade irá ocorrer às 9h, no terreno onde unidade hospitalar será construída, na Avenida Menino Marcelo, em Maceió

 

Hospital Metropolitano terá capacidade de realizar cerca de 10 mil consultas por mêsHospital Metropolitano terá capacidade de realizar cerca de 10 mil consultas por mêsImagem: Núcleo de Criação da Ascom Sesau

Investir na saúde é uma das prioridades do Governo do Estado, que tem procurado implantar novos serviços de saúde e construir unidades hospitalares para suprir a carência de leitos. Dentro dessa política, o governador Renan Filho e o secretário de Estado da Saúde, Christian Teixeira, assinam a ordem de serviço para a construção do Hospital Metropolitano. A solenidade ocorre nesta segunda-feira (27), às 9h, no terreno onde será erguida a unidade de saúde, localizado às margens da Avenida Menino Marcelo, em Maceió, ao lado do Condomínio Tabuleiro do Martins.

 

A unidade contará com 180 leitos, divididos em 100 para atendimentos clínicos, 20 para UTI adulto e pediátrico, e 20 de UCI e UTI Neonatal. Outra novidade será os atendimentos voltados para a mulher, com atendimentos clínicos e ginecológicos e 40 leitos obstétricos para partos normais.

 

“Estamos passando por um novo momento na saúde pública em Alagoas, com a construção de equipamentos modernos que irão ser de grande importância para toda a sociedade, especialmente para os usuários do SUS [Sistema Único de Saúde]”, disse Christian Teixeira. Ele lembrou, ainda, que essa nova unidade irá reduzir o déficit de leitos no SUS em Alagoas.

 

 

Estrutura

O Hospital Metropolitano terá a capacidade de realizar cerca de 10 mil consultas por mês. E quando estiver em funcionamento, ele irá atender em especial a população da parte alta da capital e dos municípios da Zona da Mata e Região Norte de Alagoas.

 

“Além das consultas especializadas, a unidade também irá garantir 17.030 exames de imagem e laboratoriais e mais de 1200 internações mensalmente. Tudo isso será possível graças aos 180 leitos destinado também para casos de urgência e emergência”, destacou o superintendente de Atenção à Saúde da Sesau, Rogério Barboza.

 

Recursos

A área construída do Hospital Metropolitano será de 13.904,19 m² em uma área total de 57.058,87 m². A obra acontecerá em três turnos e foi orçada em R$ 91.763.858,67. Entretanto, o valor final licitado foi de aproximadamente R$ 64 milhões, gerando uma economia para o Estado.

 

Os recursos para a construção e para equipar a unidade são provenientes do Fundo Estadual de Combate a Erradicação da Pobreza (Fecoep). Para a construção da unidade, também serão empregados recursos provenientes de emendas parlamentares.

Agência  Alagoas

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *