Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Geral Alagoas Cinco mil servidores ainda não fizeram recadastramento; estado dá novo prazo

Cinco mil servidores ainda não fizeram recadastramento; estado dá novo prazo

0
0

Crédito: Joyce Marina

Secretário de Planejamento e Gestão, Fabrício Marques, fala sobre recadastramento de servidores

A Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag) divulgou, durante coletiva na manhã desta segunda-feira (03), que 5 mil servidores estaduais não realizaram a atualização cadastral. Agora eles terão até o dia 07 de abril para realizar o procedimento.

Segundo o secretário de Planejamento, Fabrício Marques dos Santos,dos cinco mil servidores que ainda não realizaram a atualização, dois mil são ativos e três mil inativos, destes, mil pediram para realizar o recadastramento presencial. Neste caso, estes servidores terão até o próximo dia 20 para atualizar os dados.

Desta vez, os servidores que não realizarem o procedimento dentro do prazo do novo calendário terão seus salários suspensos até a devida regularização, como definido pela portaria nº 2.028/2017, publicada no Diário Oficial do Estado desta segunda-feira (03).

“O servidor que não fizer o recadastramento dentro deste segundo prazo pode ficar um mês sem receber salário. Caso isso ocorra, os ativos devem comparecer à Seplag para regularizar a situação e os inativos devem ir a sede do Alagoas previdência. Não sabemos ao certo o motivo desses 5 mil servidores não terem realizado a atualização, alguns disseram que nem sabiam”, disse Marques.

De acordo com números oficiais, aproximadamente 70 mil servidores, entre ativos, aposentados e pensionistas, realizaram a atualização obrigatória no prazo inicial estabelecido pelo Governo do Estado. Desta vez não será necessário realizar agendamento prévio, basta que o servidor procure uma agência da Caixa Econômica e realize o procedimento.

É necessário levar documento de identificação com foto, CPF, comprovante de residência com CEP válido, além de contracheque ou documento que contenha número de matricula da ordem.

Questionado sobre o andamento do cadastramento e da descoberta de irregularidades, o secretário disse que a primeira fase ocorreu de forma tranquila e que possíveis irregularidades só poderão ser detectadas ao fim do recadastramento.

Com cadaminuto

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *