Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Geral Esporte CRB vence clássico contra CSA e abre vantagem na decisão do Alagoano

CRB vence clássico contra CSA e abre vantagem na decisão do Alagoano

0
0

No primeiro jogo final do Campeonato Alagoano, melhor para o lado vermelho diante do lado azul. Na tarde deste domingo (30) o CRB aproveitou melhor as chances e venceu o CSA por 1 a 0, abrindo vantagem na decisão do estadual.

Com o resultado, o CRB agora precisa apenas de um empate para sagra-se tricampeão do Campeonato Alagoano, no próximo domingo, novamente no Rei Pelé. Ao CSA, resta apenas a vitória para seguir sonhando com o título.

O JOGO – 1º TEMPO

Na decisão de torcida única, os regatianos lotaram grande parte das dependências do Estádio Rei Pelé. A torcida fez festa, mas o jogo no seu começo não foi dos mais movimentados, com os dois times se estudando.

Com o passar do tempo, o CRB tomava a iniciativa do jogo, buscava o ataque, mas encontrava um CSA fechado no seu campo de defesa. O time azulino se mostrava retraído e esperava o rival deixar espaços para atacar.

O primeiro tempo era de muita marcação. Inclusive, em  menos de cinco minutos, dois atletas receberam cartão amarelo e estão suspensos, ficando fora do jogo decisivo. Flávio Boaventura pelo CRB e Everton Heleno encerraram a participação no estadual.

A primeira etapa se encaminhava para o fim com empate sem gols e jogo truncado. Mas aos 45 minutos, chutão para o campo do CSA, o zagueiro Douglas deixou para o goleiro Jefferson que não saiu em tempo e foi surpreendido por Neto Baiano, que surgiu para desviar e mandar para as redes.

Foto: Thiago Davino

Foto: Thiago Davino

Festa regatiana e final do primeiro tempo com vitória parcial do CRB por 1 a 0 sobre o CSA.

2º – TEMPO

Veio o segundo tempo e o CRB seguia com melhor toque de bola e saída para o ataque. Logo aos 2 minutos, Edson Ratinho mandou bola “venenosa” na área e Jefferson cortou e a defesa afastou o perigo.

Minutos depois foi a vez do CSA enfim atacar. Como sempre, Everton Heleno arrancou, bateu cruzado e Jacó, que acabara de entrar, desviou e por muito pouco não empata no Estádio Rei Pelé.

Léo Condé pelo CRB e Oliveira Canindé pelo CSA resolveram mudar peças. O jogo caiu em termos de ritmo, mas o CSA resolveu assustar na bola parada. Sem produzir na criação de jogadas, Daniel Costa bateu falta com categoria e exigiu grande defesa de Juliano.

O CSA não tinha poder de ataque na partida. Chegava em jogadas esparsas. O CRB aproveitava os espaços deixado e na reta final do jogo, pressionou. Primeiro, Maxwell fez grande jogada e bateu cruzado, mas a defesa cortou. Minutos depois, Chico recebeu grande passe, mas na hora da finalização, foi travad pelo goleiro Jefferson.

Nos minutos finais, o CSA ainda arriscou bolas na área, mas o CRB se garantiu, manteve a posse de bola e garantiu um grande resultado na busca pelo tricampeonato alagoano. CRB 1 x 0 CSA.

cadaminuto

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *