Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Geral Maceió Afastado militar acusado de agredir aluno dentro de escola estadual

Afastado militar acusado de agredir aluno dentro de escola estadual

0
0
PMAL

Um terceiro-sargento da Polícia Militar de Alagoas foi afastado de suas funções após se envolver em uma confusão dentro da Escola Estadual Campos Teixeira, na Ponta da Terra. O caso ocorreu no último dia 24 e o sargento é acusado de agredir alunos da rede pública.

Um vídeo com as agressões foi divulgado através das redes sociais e a Comissão de Defesa da Criança e do Adolescente da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Alagoas, entrou no caso.

Imagens do circuito interno de segurança da escola mostram o militar se aproximando do jovem, agredindo-o no rosto e o esganando pelo pescoço, sem aparente motivação. Na confusão, o militar teve o braço quebrado e uma cadeira teria sido jogada contra um dos PMs.

O Comando do Batalhão de Polícia Escolar (BPEsc), o qual o terceiro-sargento integra, decidiu pelo afastamento do policial e a informação foi confirmada ontem à imprensa pelo comandante do BPEsc, tenente-coronel Silvestre.

Silvestre relatou ainda que o sargento teria alegado problemas de ordem pessoal, que usa medicação para dormir e que o cansaço o levou à agressão. O terceiro-sargento está de licença médica pelo prazo de 15 dias e seu afastamento deve ser oficializado ao fim da licença.

Silvestre disse ainda que o afastamento “não é uma medida punitiva à atitude do militar” e sim “em favor da saúde do trabalhador”.

 

será aberto um processo administrativo para averiguação dos fatos, que irá durar, inicialmente 30 dias.

 Divulgação alagoas24horas

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *