Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Destaque Operações da Lei Seca prendem dois condutores que dirigiam embriagados

Operações da Lei Seca prendem dois condutores que dirigiam embriagados

0
0

Blitz na parte alta da capital flagraram 14 motoristas dirigindo sob efeito de álcool

Duas pessoas foram presas, entre a noite desse sábado (24) e a madrugada deste domingo (25), durante duas operações da Lei Seca, deflagradas em bairros da parte alta de Maceió. Os condutores receberam voz de prisão após serem flagrados dirigindo sob efeito de álcool. As ações foram comandadas por agentes do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e militares do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran).

De acordo com o coordenador da Operação Lei Seca em Alagoas, tenente Emanuel Costa, os motoristas fizeram o teste do etilômetro (bafômetro) e, por meio dele, ficou constatada a presença de álcool no organismo. Ao todo, foram feitos 104 testes, mas em dois o índice de alcoolemia era acima do permitido, resultando na prisão.

As operações foram iniciadas por volta das 22 horas desse sábado e somente foram encerradas às 3h deste domingo, na Avenida Benedito Bentes, no bairro de mesmo nome e na entrada do conjunto Gama Lins, no Cidade Universitária. As prisões foram registradas no Benedito Bentes.

Além disso, as ações recolheram quatro veículos ao pátio do Detran por diversas irregularidades detectadas durante as abordagens. Foram 95 carros abordados com os condutores devidamente revistados. Destes, cinco se recusaram a fazer o teste do bafômetro.

Blitze na parte alta da capital flagraram 14 motoristas dirigindo sob efeito de álcool

FOTO: DIVULGAÇÃO/BPTRAN
Ainda conforme o tenente Emanuel, os agentes apreenderam 13 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) por estarem com a validade vencida. Os donos devem procurar o órgão de trânsito para a regularização. E foram aplicados 93 autos de infrações por várias ilegalidades verificadas. Seis condutores foram flagrados sem a habilitação.
“Foram 14 condutores autuados e retirados de circulação por conduzir veículos sob a influência de álcool e dois deles conduzidos a delegacia por crime do artigo 306, do CTB (Conduzir veículo automotor com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência)”, explica o tenente Emanuel Costa.

gazetaweb

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *