Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Geral Alagoas Torcedores do Confiança que estava em ônibus são assaltados em Alagoas

Torcedores do Confiança que estava em ônibus são assaltados em Alagoas

Torcedores do Confiança que estava em ônibus são assaltados em Alagoas
0
0

Motorista reserva foi atingido por tiro no braço.

m grupo de 40 torcedores do Confiança que viajava para a cidade de Ceará-Mirim, no Rio Grande do Norte (RN), para acompanhar o jogo da equipe, pela série C do Campeonato Brasileiro, foi vítima de um assalto, em Alagoas, na noite deste sábado (9).

Motorista baleado foi atendindo pelo Samu e encaminhado a um hospital (Foto: Mário Bezerra)

Motorista baleado foi atendindo pelo Samu e encaminhado a um hospital (Foto: Mário Bezerra)

“O ônibus estava em baixa velocidade, em uma região de subida, quando homens atiraram contra o ônibus e um dos disparos atingiu o braço do motorista reserva. Em seguida, eles invadiram o veículo e assaltaram todos os passageiros”, disse o torcedor Mário Bezerra.

Ainda segundo ele, crianças e mulheres não foram poupadas das ameaças realizadas pelos assaltantes. “Eles diziam a todo o momento que poderiam matar alguém, caso percebessem que estávamos escondendo algum objeto de valor e chegaram a fazer disparos como forma de intimidação. Os momentos de terror duraram entre 10 e 15 minutos”.

Torcedores são recebidos por familiares em Aracaju  (Foto: Mário Bezerra)Torcedores são recebidos por familiares em Aracaju  (Foto: Mário Bezerra)

Torcedores são recebidos por familiares em Aracaju (Foto: Mário Bezerra)

Após roubar os passageiros os quatro homens que invadiram o ônibus fugiram em um carro, que os aguardava. “ Depois que eles foram embora conseguimos buscar ajuda e socorrer o motorista, que foi encaminhado pelo Samu a um posto de saúde. E seguimos para uma delegacia para registrar o crime. Após a liberação do motorista decidimos voltar para casa, já que a maioria dos torcedores estava sem os pertences pessoais para seguir viagem”.

De acordo com Mário, os torcedores chegaram a capital sergipana na manhã deste domingo (10) e apesar do susto não pretendem desistir de viajar para torcer pelo clube. “ Não podemos ficar refém de uma situação dessa. Temos que cobrar providências da Segurança Pública e seguir em frente”, finalizou.

G1 SE

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *