Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Geral Cultura Compositor alega que nome e refrão do novo hit de Claudia Leitte são plágios; caso pode para na Justiça

Compositor alega que nome e refrão do novo hit de Claudia Leitte são plágios; caso pode para na Justiça

Compositor alega que nome e refrão do novo hit de Claudia Leitte são plágios; caso pode para na Justiça
0
0
Publicada no Youtube da cantora Claudia Leitte no dia 7 de novembro, o clipe da música “Balancinho” alcançou até esta segunda-feira (26) quase dois milhões de acessos. A canção está tocando nas rádios e está presente nas principais plataformas de streaming que operam no Brasil. Poderia ser a aposta de Claudinha para o Carnaval 2019, mas um imbróglio que pode parar na Justiça pode atrapalhar os planos da cantora.
Oficialmente a música foi escrita por Duller (de “Largadinho”), Jomas Freitas, Anderson Dandir e Cabrera (de “Baldin de Gelo”). Claudinha definiu a canção desta forma: “alegre e eu desejo que seja uma das mais divertidas do verão. O clipe tem um pouco de todo os meus jeitos, ora singela, ora divertida, porém forte e determinada”. O problema é que nos bastidores há um briga envolvendo direitos autorais.
O compositor Ney Carneiro postou em sua conta no Instagram uma denúncia que dá conta do suposto plágio. Ney alega ter composto uma música “Balancinho” há cerca de três anos e que o nome e o refrão são idênticos aos da canção lançada por Claudinha este ano. Apesar de não ter registrado a canção à época, o compositor diz ter como provar a autoria da obra, já que tem registros de e-mails onde enviou a música para diversos produtoras, entre elas as de Claudia Leitte e Ivete Sangalo.
“Eu a compus há mais ou menos três anos e enviei pra diversas produtoras e compositores”, explicou. Ney afirma que seu contato com um dos compositores há cerca de um mês não foi proveitoso: “entrei em contato com ele (Duller), enviei a canção que eu tinha feito. Ele foi super grosso, disse que tinha feito no início do ano, que tinha várias composições e que não precisava plagiar”.
Foi, então, que há cerca de quinze dias ele resolveu procurar a produtora de Claudia Leitte. Em contato com uma mulher de prenome Flávia, da produtora “Pedacinho do Céu”, Ney recebeu a orientação de que formalizasse o problema por e-mails para que fosse marcada uma reunião. “Liguei cobrando essa reunião e até agora nada”. O compositor alerta que tem interesse no “reconhecimento”, pois “a parte financeira é consequência”. “Vou acionar a Justiça”.
Em sua conta no Instagram, Ney postou o seguinte texto: “Plágio ou coincidência? O que vocês acham? Compus essa canção há uns 3 anos e enviei para vários artistas e produtores e na época não foi gravada. Para minha surpresa, a nova música de trabalho de @claudialeitte tem o mesmo título “Balancinho” e o mesmo refrão. Entrei em contato com um dos ‘compositores’ @duller13 e o mesmo desdenhou da situação. Resolvi entrar em contato com a assessoria da cantora achando que seria mais fácil resolver a questão, porém eles estão ‘empurrando com a barriga’. Aguardando a reunião com Claudia Leitte e compositores”.

A reportagem procurou a Ciel, produtora de Claudia Leitte. A funcionária Flávia, a mesma que teria atendido Ney, disse que não poderia “dar informação sem antes ter autorização da pessoa responsável”. Posteriormente, um representante do escritório da cantora afirmou que “a empresa e a artista não pretendem se pronunciar porque na verdade é uma questão entre os compositores. Quem comprovar ser dono da música vai ter o devido crédito e o pagamento do Ecad”.

Já a assessoria de Claudinha em São Paulo enviou a seguinte nota à reportagem: “‘Balancinho’ é uma composição de Duller, Cabrera, Jomar Freitas e Aderson Dandir, portanto, qualquer assunto relacionado à composição deve ser tocada diretamente com eles”. Confira a versão que Ney alega ser sua e a que a cantora Claudia Leitte gravou.

bocaonews

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *