Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Geral Arapiraca Polícia identifica suspeitos na morte de comerciante arapiraquense em Coruripe

Polícia identifica suspeitos na morte de comerciante arapiraquense em Coruripe

Polícia identifica suspeitos na morte de comerciante arapiraquense em Coruripe
0
0

Delegado Gustavo Pires solicitou à Justiça a prisão dos suspeitos e pede ajuda da população para localizá-losyoutude

Foto por: Reprodução

Allan Chrystian da Silva e Willames França da Silva estão foragidos

A prisão dos dois suspeitos na morte do comerciante arapiraquense Valcir Leite Tenório, de 37 anos, foi solicitada à Justiça pelo delegado Gustavo Pires, do 89º Distrito Policial de Coruripe.

Os dois suspeitos foram identificados como Willames França da Silva e Allan Chrystian da Silva, ambos estão foragidos.

Valcir Leite foi encontrado ainda com vida em um canavial próximo ao Povoado Bom Sucesso, na zona rural do município de Coruripe, com ferimentos de arma branca no pescoço e queimaduras causadas por líquido inflamável.

O comerciante sofreu o atentado no último dia 19 de agosto e morreu três dias depois em decorrência da gravidade dos ferimentos e queimaduras, no Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió.

Segundo uma prima de Valcir Leite, mesmo com graves ferimentos, ele conseguiu falar com o delegado quando estava recebendo os primeiros socorros na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Coruripe. A partir das informações passadas pela vítima, a polícia apurou que Allan Chrystian tinha dívidas financeiras com Valcir Leite. Essa dívida teria sido a motivação do crime.

Valcir Leite disse ao delegado que foi abordado por dois homens ao passar por um quebra-molas em Feliz Deserto. Ao sair do veículo, ele foi espancado e esfaqueado no pescoço. Depois disso, jogaram gasolina e atearam fogo no comerciante.

Mesmo ferido, o Valcir conseguiu pedir ajuda aos moradores da região e foi levado para a UPA de Coruripe, mas acabou sendo transferido para o HGE.

O delegado Gustavo Pires pede a quem tiver informações sobre a localização dos suspeitos que informe à polícia ligando no telefone 181.

Valcir Leite Tenório, de 37 anos, não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo do HGE, em Maceió

jaenoticia

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *