Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Geral Brasil Desembargador que condenou Lula absolve empresário que sonegou quase R$ 19 milhões

Desembargador que condenou Lula absolve empresário que sonegou quase R$ 19 milhões

Desembargador que condenou Lula absolve empresário que sonegou quase R$ 19 milhões
0
0

O desembargador do TRF-4, João Gebran Neto, que condenou Lula a 12 anos de prisão e que se diz rigoroso quando a lei, absolveu um empresário crime de sonegação, pois para ele não comete crime quem sonega ao fisco em crise financeira

O desembargador que ajudou a condenar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a 12 anos de prisão no caso famoso “Caso Tríplex”, João Gebran Neto, em decisão sobre crime de sonegação, em que foi relator, demonstra não ser tão rigoroso.

Ele entende que não comete crime o empresário, que em crise financeira, sonega impostos ao fisco. Gebran Neto, relator da ação no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), absolveu empresário paranaense que havia sido condenado em primeira instância pelo crime de sonegação.

O empresário Marco Antonio Bomtempo, segundo a sentença de primeira instância deve R$ 18.736.812, incluídos juros e multas, calculados em julho de 201, segundo o juiz Richard Ambrosio da 5ª Vara Federal de Londrina.

brasil247

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *