Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Geral Brasil Golpe no WhatsApp usa reforma da Previdência para roubar dados dos usuários

Golpe no WhatsApp usa reforma da Previdência para roubar dados dos usuários

Golpe no WhatsApp usa reforma da Previdência para roubar dados dos usuários
0
0

Um novo golpe que tem circulado no WhatsApp utiliza a reforma da Previdência para roubar dados dos usuários e abrir brechas para que eles caiam em outras armadilhas. A mensagem enviada pelos criminosos informa que o governo liberou o saque de um suposto fundo previdenciário, e disponibiliza um link para que a vítima veja se tem direito ao benefício.

O laboratório especializado em segurança digital da PSafe detectou este golpe e já registrou 290 mil acessos e compartilhamentos até o momento.

Segundo Emilio Simoni, diretor do laboratório, golpes como esse são comuns.

— Há outros envolvendo FGTS e vagas de emprego, por exemplo. Esse não é dos mais graves, ao clicar no link, a página falsa captura o nome do usuário e pega uma permissão de notificação que irá possibilitar ao site mandar links de outros golpes diretamente para a vítima — explica.

Entre os sinais de golpe na mensagem estão o link fornecido, que não é de uma página oficial do governo.

Além disso, o advogado especializado em Direito Previdenciário, João Badari, ressalta que não existe um fundo previdenciário. E que avisos sobre valores a receber costumam ser feitos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) diretamente ao segurado, por meio do e-mail cadastrado.

— Todo e qualquer valor a receber que chegar pelo WhatsApp é um sinal para que a pessoa desconfie. A orientação é ligar para a central telefônica 135 e verificar se a mensagem é verdadeira — afirma Badari, destacando que golpes por cartas também são comuns.

— Sempre chega golpe para o aposentado por meio de carta, informando que ele tem um valor a receber, de precatórios, por exemplo, e pedindo que faça um depósito para ter acesso a esse dinheiro. Isso não existe. Quando a pessoa tem um valor a receber, não tem que pagar nada — avisa.

Simoni também aconselha que os usuários de aplicativos como o WhatsApp instalem anti-vírus no celular para evitar os danos causados por esses links.

— O anti-vírus mostraria que aquele link é suspeito, antes de a pessoa acessá-lo — diz.

Procurada, a Secretaria de Previdência não se manifestou.

Confira a mensagem que vem sendo compartilhada no WhatsApp

“Governo acaba de anunciar que com a nova reforma da previdência, esta liberado o saque do fundo previdenciário, quem não fizer o saque até 10/11/2019 perde o direito de receber, valores variam de 450,00 reais a 1.023,00 reais, confira se você tem direito. https://beneficioliberado.club/previdencia”

extra.globo

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *