Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Destaque EDUCAÇÃO Vem que Dá Tempo: Programa vai atrair para a escola alunos que abandonaram os estudos

EDUCAÇÃO Vem que Dá Tempo: Programa vai atrair para a escola alunos que abandonaram os estudos

EDUCAÇÃO Vem que Dá Tempo: Programa vai atrair para a escola alunos que abandonaram os estudos
0
0

 

Ação inclui aplicação de provas de supletivo online para quem não concluiu o ensino fundamental e oferta de EJA Modular para o ensino médio

O Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), lançou, nessa segunda-feira (17), uma grande ofensiva para atrair de volta à escola os alagoanos maiores de 18 anos que abandonaram os estudos e desejam retomar a escolaridade. Uma das ações do Escola 10 para 2020, o Programa Vem que Dá Tempo, promoverá certificação de conclusão do ensino fundamental, por meio da aplicação de provas do Supletivo Online, e facilitará o acesso ao ensino médio através da modalidade EJA Modular para jovens e adultos.

“Com o lançamento deste programa, estamos dizendo ao alagoano que, por algum motivo, abandonou os estudos, que não existe tempo perdido, que sempre é tempo de voltar para a escola e de estudar”, frisa o vice-governador e secretário de Estado da Educação, Luciano Barbosa, destacando ainda o apoio dos municípios para a promoção de uma busca ativa para a identificação deste público que almeje a retomada dos estudos.

A ocasião contou ainda com dois momentos especiais: exibição de vídeo com o depoimento de Ewelyn Alves – aluna da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da Escola Estadual Geraldo Melo, que foi aprovada no Exame Nacional do Ensino Médio – e recitação de poema de Vera da Silva, ex-aluna da EJA da Escola Estadual Fernandes Lima.

Estratégias –  O superintendente de Políticas Educacionais da Seduc, Ricardo Lisboa, explica quais serão as principais estratégias e frentes de trabalho do programa. “Faremos busca ativa deste público em parceria com os municípios alagoanos e, para as pessoas que estiverem em idade de ensino médio, mas que ainda não concluíram o fundamental, nós oportunizaremos a aplicação do Supletivo Online, o qual permitirá a certificação do ensino fundamental para os aprovados”, conta Ricardo.

Ela ainda ressalta o EJA Modular, modalidade da Educação de Jovens e Adultos mais rápida e flexível que o modelo tradicional, onde as disciplinas serão cursadas em módulos e em um tempo mais curto. Essa oferta será para o ensino médio.

“Neste sistema de EJA Modular teremos quatro módulos, cada um com duração de 50 dias e duração total de 200 dias. O aluno cursa um módulo, e, assim que concluí-lo, ingressa no outro. Dessa forma, você conclui a EJA Médio bem mais rápido que no modelo tradicional. Já aplicamos essa modalidade na Escola Estadual Adriano Jorge, em Arapiraca, e no CEJA 13 de Outubro, em Viçosa. A aceitação foi muito grande. Não tivemos nenhuma desistência”, comemora Ricardo.

Agência Alagoas

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *