Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Destaque Justiça determina que prefeito de Maribondo deverá voltar ao Sistema Prisional

Justiça determina que prefeito de Maribondo deverá voltar ao Sistema Prisional

0
0

Leopoldo Pedrosa estava em prisão domiciliar desde o fim de dezembro de 2019

A justiça determinou, nesta quarta-feira, 11, que o prefeito de Maribondo, Leopoldo Pedrosa (PRB), deverá voltar ao Sistema Prisional.

Leopoldo Pedrosa estava em prisão domiciliar desde o fim de dezembro de 2019, após ser preso com 1kg de cocaína pura, avaliada em R$ 50 mil. Ele estava fazendo uso de tornozeleira eletrônica desde 2017, por agressão física contra a ex-mulher.

Nesta quarta-feira, em decisão do desembargador Washington Luiz, a liminar de prisão domiciliar foi revogada e a prisão em regime fechado no Sistema Prisional decretada.

Relembre o caso:
Em 20 de dezembro de 2019 Leopoldo Pedrosa foi capturado em Arapiraca, em cumprimento a um mandado de prisão por homicídio, crime ocorrido em 2015, em São Miguel dos Campos. No momento ele estava em um bar, com armas dentro do carro e 1kg de cocaína, avaliada em R$ 50 mil, guardado em casa. Leopoldo Pedrosa foi autuado por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.

No dia 23 de dezembro, a prisão em flagrante do prefeito foi convertida em prisão preventiva. Mas em 24 de dezembro, o presidente do Tribunal de Justiça determinou a prisão domiciliar do gestor. Na época, Leopoldo Pedrosa já fazia uso de tornozeleira eletrônica por agressão física contra a ex-esposa, crime cometido em 2017.

 

Divulgação

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *