Ambulâncias_728x90
vida_nova_728x90
Home Geral Arapiraca PREFEITO PARTICIPA DE REUNIÃO COM REPRESENTANTES DO COMÉRCIO E DISCUTE A RETOMADA DA ECONOMIA LOCAL

PREFEITO PARTICIPA DE REUNIÃO COM REPRESENTANTES DO COMÉRCIO E DISCUTE A RETOMADA DA ECONOMIA LOCAL

PREFEITO PARTICIPA DE REUNIÃO COM REPRESENTANTES DO COMÉRCIO E DISCUTE A RETOMADA DA ECONOMIA LOCAL
0
0

O Prefeito Rogério Teófilo reúne secretários, representantes do shopping, de entidades e comércio de Arapiraca, através de videoconferência, na tarde desta segunda-feira (20). Em pauta, o decreto emergencial do Governo do Estado, que deixa Arapiraca na área vermelha do distanciamento social, e a possibilidade do retorno gradual de atividades econômicas do Município, seguindo as medidas exigidas pelo Protocolo Sanitário.

De acordo com o decreto do Governo do Estado, as regras de isolamento e flexibilização do funcionamento de novos serviços não essenciais seguem diretrizes que norteiam cinco fases, classificadas nas cores vermelha, laranja, amarela, azul e verde, que determinam a reabertura dos setores produtivos.

Segundo o documento, Arapiraca não avança e permanece na área vermelha. A decisão é questionada por representantes do segmento do comércio arapiraquense, que durante a reunião, discutiram com a Gestão Municipal alternativas para a retomada gradual da economia local.

Do seu gabinete, no Centro Administrativo Municipal, o prefeito Rogério Teófilo participa de reunião com representantes do comércio

Ouvindo as considerações do grupo, o prefeito Rogério Teófilo ressaltou a sua preocupação e empenho em salvar vidas, sem excluir as possibilidades do retorno gradual das atividades econômicas do Município, seguindo as orientações dos órgãos de saúde.

Para isso, o prefeito solicitou ao secretário Municipal de Saúde, Glifson Magalhães, que apresentasse um parecer sobre a situação do Município em relação ao enfrentamento à pandemia e a sua classificação na área vermelha, segundo decreto estadual.

Para o secretário, a avaliação do Estado, que leva em conta aspectos como a utilização da capacidade hospitalar instalada, evolução epidemiológica e taxa de evolução da Covid-19, coloca Arapiraca em situação crítica, mas que poderia ser revertida, a partir do atendimento a reivindicações essenciais para assistir à população.

“Desde o início da pandemia, a Prefeitura de Arapiraca tem adotado estratégias, que vão desde a capacitação dos profissionais de saúde, ampliação da sua rede de atendimento, ações educativas, desinfecção de espaços públicos,  entrega de medicações e realização de testes, além da modernização das unidades de saúde, tudo para diagnosticar e cuidar da saúde da população”, afirmou.

Secretário de Saúde, Glifson Magalhães, fala das ações da saúde e epidemiologia

O secretário ainda explica que todo esse processo tem refletido positivamente para evitar o colapso na saúde. Mas ressalta a necessidade do atendimento às reivindicações feitas ao Governo do Estado para alcançar os resultados esperados, a exemplo da ampliação do número de leitos de UTI, ainda aguardada, e o repasse dos testes rápidos enviados pelo Governo Federal, para reforçar no diagnóstico da população,  solicitados pela Secretaria Municipal de Saúde, há 15 dias, através de ofício.

“O Município não mede esforços, com transparência e legalidade está trabalhando para superar essa fase, que provoca uma crise em todas as áreas, priorizando a vida do arapiraquense. Para isso, a necessidade de um esforço conjunto com a Câmara de Vereadores e as esferas Estadual e Federal”, afirmou o prefeito Rogério Teófilo”.

Para o grupo, composto por empresários, representantes da Administração Municipal, Sindilojas, CDL, ABRASEL, Associação Comercial, as ações da Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde, no enfrentamento à Covid-19, tem garantido condições para a retomada da economia. E que o setor está preparado para a reabertura gradual dos serviços, seguindo as normas do protocolo sanitário.

Da reunião, os participantes saíram com a missão de elaborar um documento, que será encaminhado ao Governo do Estado, apresentando índices e dados da realidade local, favoráveis ao avanço nas fases de isolamento social e o retorno da economia da segunda maior cidade do Estado, importante polo econômico de Alagoas.

Assessoria

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *