Home Destaque Samuel Little, o maior assassino em série dos EUA, morre aos 80 anos

Samuel Little, o maior assassino em série dos EUA, morre aos 80 anos

Samuel Little, o maior assassino em série dos EUA, morre aos 80 anos
0
0

Ele cumpria prisão perpétua pelo assassinato de três mulheres, mas já havia confessado ter matado 93 outras entre 1970 e 2005

Samuel Little, conhecido como o maior assassino em série da história dos Estados Unidos, de acordo com o FBI, morreu em um hospital da Califórnia, nesta quarta-feira (30), aos 80 anos.

Ele cumpria prisão perpétua pelo assassinato de três mulheres, mas já havia confessado ter matado 93 outras entre 1970 e 2005.

Suas vítimas era, invariavelmente, pessoas vulneráveis como prostitutas e usuários de drogas.  Ele era ex-boxeador e golpeava as vítimas antes de estrangulá-las.

Analistas do FBI acreditavam que todas as suas confissões eram “críveis”. Eles também divulgaram imagens das vítimas que ele desenhou enquanto estava na prisão na tentativa de rastrear aquelas pessoas que ele matou.

Little foi preso em 2012 por porte de drogas no Estado de Kentucky e enviado para a Califórnia, onde os policiais realizaram testes de DNA.

Já pesavam sobre ele vários crimes que iam de assalto à mão armada a estupro nos EUA.

Os resultados do DNA o ligaram a três assassinatos não resolvidos de 1987 e 1989 no condado de Los Angeles. Ele se declarou inocente no julgamento, mas acabou sendo condenado e sentenciado a três penas consecutivas de prisão perpétua, sem chance de liberdade condicional.

Com informações da Época

 

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *