Home Destaque Rodrigo Cunha nomeia namorada com salário de R$ 11 mil em secretaria municipal

Rodrigo Cunha nomeia namorada com salário de R$ 11 mil em secretaria municipal

Rodrigo Cunha nomeia namorada com salário de R$ 11 mil em secretaria municipal
0
0

A portaria com a nomeação da advogada é datada da última sexta-feira (15); ela vai atuar na secretaria que é comandada pelo apadrinhado do parlamentar

Foi publicada em edição extra do Diário Oficial do Município (DOM) de Maceió desta terça-feira (19) a nomeação de Millane Fabricia da Hora Figueiredo que, além de advogada e cantora, é também namorada do senador Rodrigo Cunha (PSDB), para ocupar o cargo em comissão de assessora especial da Assessoria Especial de Políticas Sociais. O salário do cargo é R$ 11 mil.

Mesmo o cargo para o qual foi nomeada sendo da Secretaria Municipal de Governo (SMG), Hora disse à Gazetaweb que vai atuar na Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas). O titular da Semas, o ativista Carlos Jorge, foi convidado para ocupar o cargo, segundo ele próprio, pelo senador Rodrigo Cunha (PSDB). Ou seja, Millane vai trabalhar com o apadrinhado de Cunha.

A portaria com a nomeação da advogada é datada da última sexta-feira (15), mas só foi publicada nesta terça-feira. A cantora disse que não sabia o valor do salário que vai receber, tendo sido informada pela reportagem da gazetaweb.

Ao ser questionada sobre os critérios para a nomeação, MIllane Hora disse ter sido técnico e ‘não por ter um relacionamento com o senador Rodrigo Cunha.’ Ela chegou a classificar como ”machismo” o questionamento sobre se era moral a nomeação. “Sempre souberam quem eu sou e agora virei a namorada do Rodrigo. Perdi o meu nome. Eu tenho uma vida”, afirmou ela.

Millane Hora contou que possui capacitação técnica para ocupar a função na secretaria do apadrinhado de Cunha, que ela classificou como “ funação de confiança”. Diante dos questionamentos, ela detalhou que realiza trabalhos sociais, principalmente com mulheres vítimas de violência, e que deve estender essa atuação para a esfera pública.

Por meio de nota à imprensa, o senador Cunha saiu em defesa de Millane e disse que a nomeação dela foi a convite. “A Millane é uma mulher independente que sempre teve a vida profissional estruturada, tanto como advogada, quanto como artista”, disse o senador, acrescentando que ela foi convidada pessoalmente pela gestão municipal. “Desejo muito sucesso em mais este desafio e, pelo que conheço de Millane, o povo de Maceió vai contar com todo o seu esforço e sua dedicação”, reforçou Cunha.

gazetaweb

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *